top of page

FENÔMENOS DE TRANSPORTE

 

Disciplina: FENÔMENOS DE TRANSPORTE

ROTEIRO DE AULA PRÁTICA 1

Unidade 3: Introdução à transferência de calor. Aula 12: Trocadores de calor

Prática: Trocadores de calor

Software

Acesso on-line Pago

Infraestrutura

O acesso ao laboratório virtual da Algetec deve ser via computador, este simulador não deve ser acessado por tablet ou por celular. O computador deve ter uma memória mínima de 4 GB.

Descrição do software

O simulador ALGETEC é uma ferramenta utilizada para a realização de experimentos virtuais, ideal para cursos na modalidade EaD, podendo ser empregado também nos cursos presenciais, para posteriormente os resultados serem validados em bancada de forma presencial.

Acesse através do link: https://grupoa-u.blackboard.com/

Em caso de dúvidas, veja em: “Perguntas Frequentes”, disponível em: https://algetec.movidesk.com/kb/pt-br/

Atividade Prática

INTRODUÇÃO

Trocador de calor é um equipamento utilizado para ser efetuada a troca de calor entre fluidos a diferentes temperaturas. No início do processo o fluido que entra a uma maior temperatura é o fluido quente e o fluido que entra a uma menor temperatura é considerado fluido frio.

Quanto ao modo de troca de calor: Contato direto e contato indireto;

• Contato direto: neste tipo de trocador de calor os fluidos (quente e frio) se misturam.

Exemplo: torre de resfriamento.

• Contato indireto: neste tipo de trocador de calor os fluidos (quente e frio) não se misturam, estão separados por superfícies. Pode ser:

- Trocador de calor de recuperação (recuperador): O fluido quente e o fluido frio entram e saem continuamente.

 

-Trocador de calor de regeneração (regenerador): também denominado de trocador de armazenamento, neste trocador, no caso do processo de aquecimento de um fluido, o fluido quente entrará inicialmente escoando por estruturas denominadas matriz de armazenamento, esta matriz irá armazenar a energia térmica deixada pelo fluido quente, posteriormente quando o fluido frio entrar, o mesmo irá percorrer os mesmos espaços que o fluido quente percorreu, então, a matriz de armazenamento irá liberar a energia térmica para este fluido frio que será desta forma aquecido. Exemplo: Trocador de calor a placas.

. exemplo: trocador de calor duplo tubo (tubos concêntricos), trocador de calor casco e tubos.

ATIVIDADE PROPOSTA

Este experimento utilizará componentes da bancada didática para estudos em trocadores de calor para realizarmos testes em três tipos de trocadores de calor: trocador de placas, trocador de tubos concêntricos e o trocador de casco-tubos. Em cada trocador de calor o estudante irá realizar o experimento com os fluxos de água em contracorrente e em correntes paralelas, medindo as temperaturas nos fluxos de água quente e água fria, na entrada e saída do trocador de calor, além de medir as vazões dos fluxos.

OBJETIVOS

• Verificar qual tipo de trocador de calor possui melhor eficiência térmica;

• Avaliar a influência do tipo de escoamento na transferência de calor;

• Analisar a influência da vazão na transferência de calor;

• Avaliar a influência do tipo de escoamento na transferência de calor.

PROCEDIMENTOS PARA A REALIZAÇÃO DA ATIVIDADE

Caro estudante, para você colocar em prática os conceitos aprendidos sobre transferência de calor utilizando trocadores de calor, você deverá utilizar os materiais necessários deste experimento e executar cada uma das etapas que serão a seguir descritas.

Então, vamos lá!

1. MATERIAIS NECESSÁRIOS

- Trocador de calor do tipo Tubos Concêntricos; - Trocador de calor do tipo Casca-Tubo; -Trocador de calor do tipo Placas;

- Válvulas;

- Bomba centrifuga;

 

- Sensor de temperatura; - Painel de mostradores.

2. ENCAIXANDO O TROCADOR DE CALOR DO TIPO TUBOS CONCÊNTRICOS

Visualize os trocadores de calor clicando com o botão esquerdo do mouse na câmera com o nome “Trocadores” localizada dentro do painel de visualização no canto superior esquerdo da tela, conforme Figura 1. Se preferir, também pode ser utilizado o atalho do teclado “Alt+2”.

Figura 1

Fonte: manual Algetec (2023)

Leve o trocador de calor do tipo tubos concêntricos para a bancada e o encaixe clicando com botão direito do mouse sobre ele e selecionando a opção “Encaixar trocador” (Figura 2).

Figura 2

- Sensor de vazão;

 

Fonte: manual Algetec (2023)

Visualize a bancada com trocador conectado aos canos clicando como botão esquerdo do mouse na câmera com o nome “Bancada” ou através do atalho do teclado “Alt+3” (Figura 3).

Figura 3

Fonte: manual Algetec (2023)

3. LIGANDO AS BOMBAS

Visualize o painel clicando com o botão esquerdo do mouse na câmera com o nome “Painel” ou através do atalho do teclado “Alt+4” (Figura 4).

Fonte: manual Algetec (2023)

Energize o painel clicando com botão esquerdo do mouse no botão de emergência (Figura 5). Figura 5

Fonte: manual Algetec (2023)

Ligue o aquecedor clicando com botão esquerdo do mouse na parte verde do botão “Habilitar Aquecedor” (Figura 6).

Figura 4

 

Fonte: manual Algetec (2023)

Visualize os indicadores clicando com o botão esquerdo do mouse na câmera com o nome “Indicadores” ou através do atalho do teclado “Alt+5” (Figura 7).

Figura 7

Fonte: manual Algetec (2023)

Aguarde a temperatura T5 chegar a 60 0C. A velocidade desse processo pode ser aumentada em até 5 vezes clicando e arrastando com botão esquerdo do mouse a barra de rolagem da escala de tempo. Quando a temperatura alcançar 60 0C, o aquecedor irá se desligar automaticamente (Figura 8).

Figura 6

 

Figura 8

Fonte: manual Algetec (2023)

Você poderá cronometrar o tempo gasto em cada processo clicando com o botão esquerdo do mouse na seta do cronômetro para iniciar a contagem e no “X” para zerar (Figura 9).

Figura 9

Fonte: manual Algetec (2023)

A qualquer momento durante a contagem, também será possível dar pausa clicando com botão esquerdo do mouse no botão de pausa do cronômetro (Figura 10).

Fonte: manual Algetec (2023)

Visualize a bancada clicando com o botão esquerdo do mouse na câmera com o nome “Bancada” ou através do atalho do teclado “Alt+3” (Figura 11).

Figura 11

Fonte: manual Algetec (2023)

Abra as válvulas clicando sobre elas com o botão esquerdo do mouse (Figura 12).

Figura 10

 

Fonte: manual Algetec (2023)

Visualize o painel clicando com o botão esquerdo do mouse na câmera com o nome “Painel” ou através do atalho do teclado “Alt+4” (Figura 13).

Figura 13

Fonte: manual Algetec (2023)

Ligue as bombas 1 e 2 clicando com botão esquerdo do mouse na parte verde de seus respectivos botões (Figura 14).

Figura 14

Figura 12

 

Fonte: manual Algetec (2023)

Vá até os indicadores clicando com o botão esquerdo do mouse na câmera com o nome “Indicadores” ou através do atalho do teclado “Alt+5” e observe os valores mostrados e que a vazão 2 está nula (Figura 15).

Figura 15

Fonte: manual Algetec (2023)

4. VARIANDO A VAZÃO

Volte ao painel e altere a vazão clicando com botão esquerdo do mouse e girando o botão de controle do lado direito (Figura 16).

Figura 16

Fonte: manual Algetec (2023)

Retorne aos indicadores e observe os valores e a velocidade em que estão mudando. Varie a vazão algumas vezes e busque relacionar a vazão coma variação das temperaturas. Visualize o painel clicando com o botão esquerdo do mouse na câmera com o nome“Painel” ou através do atalho do teclado “Alt+4”. (Figura 17).

Figura 17

Fonte: manual Algetec (2023)

Desligue as bombas 1 e 2 clicando com botão esquerdo do mouse na parte vermelha de seus respectivos botões (Figura 18).

Figura 18

Fonte: manual Algetec (2023)

Visualize a bancada clicando com o botão esquerdo do mouse na câmera com o nome “Bancada” ou através do atalho do teclado “Alt+3” (Figura 19).

Figura 19

Fonte: manual Algetec (2023)

Feche as válvulas clicando sobre elas com botão esquerdo do mouse (Figura 20). Figura 20

Fonte: manual Algetec (2023)

Após fechar todas as válvulas, remova o trocador clicando com botão esquerdo do mouse no

FENÔMENOS DE TRANSPORTE

R$ 150,00Preço
    123.png
    bottom of page